Obrigada pela vista, não esqueçam de deixar um recadinho!

quarta-feira, 10 de março de 2010

COMO ESCREVER UMA PEÇA DE TEATRO



COMO ESCREVER UMA PEÇA DE TEATRO

Escrever uma peça corresponde a escrever o Roteiro, ou Script, para a representação teatral de uma história.

O Roteiro contém tudo que é dito pelos atores no palco, e as indicações para tudo que deve ser feito para que a representação seja realizada.


A peça de Teatro divide-se em:

• Os Atos se constituem de uma série de cenas interligadas por uma subdivisão temática.

• As cenas se dividem conforme as alterações no número de personagens em ação: quando entra ou sai do palco um ator.


As Rubricas (também chamadas “Indicações de cena” e "indicações de regência") descrevem o que acontece em cena; dizem se a cena é interior ou exterior, se é dia ou noite, e o local em que transcorre.

Seguintes categorias:

Macro-rubrica e Micro-rubrica

Micro-rubrica é dividida em:
• Rubrica Objetiva
• Rubrica Subjetiva


A Macro-rubrica é uma Rubrica geral que interessa à peça, ou ao Ato e às Cenas; é também chamada “Vista”, e é colocada no centro da página, no alto do texto de cada cena, e escrita em itálico ou em maiúsculas.

A Micro-rubrica Objetiva refere-se à movimentação dos atores: descreve os movimentos, gestos, posições, ou indicam o personagem que fala, o lugar, o momento, etc.

Micro-rubricas Subjetivas interessam principalmente aos atores: descrevem os estados emocionais das personagens e o tom dos diálogos e falas.

Tempo e Custos

Dois controles sobre a extensão e complexidade da peça são o Tempo e os Custos. No Grande Teatro o limite de tempo e os orçamentos são bastante elásticos. No caso do Teatro Pedagógico, porém, o Orientador Educacional no papel de dramaturgo precisa reduzir suas exigências a fim de economizar. Precisa estar atento a este aspecto ao escrever seu roteiro.

Concepção dos personagens

Tudo no personagem precisa ser congruente, para que ao final algo surpreenda o espectador. Suas roupas, onde mora, suas preferências, seus recursos financeiros, sua facilidade ou dificuldade em fazer amigos, suas preocupações morais

O dramaturgo precisa, no entanto, resumir ao mínimo as características de seus personagens, porque será sempre mais difícil encontrar aquele ator que assuma a personalidade ideal por ele criada

Inspiração: A peça tem sua idéia central, relativa a um tema; seu título e todas as cenas devem guardar uma relação clara e objetiva com essa idéia. O interesse intelectual não é suficiente para fazer uma peça boa de se ver. O público quer passar por emoções de simpatia e também de auto-estima (opinar sobre o que assiste).

A platéia procura, imóvel e estática, entender a mensagem de uma peça sofisticada, e ao final da representação está cansada, enquanto que, se ela desperta emoções, será, no mínimo, uma peça interessante.

Recursos a evitar
• Fazer um número grande de cenas curtas;
• Fazer a história saltar vários anos para frente;
• Fazer uso do recurso de flash back, isto cria confusão e irritação nos espectadores.

Outros recursos que se deve evitar são: criar personagens invisíveis, que são descritos em minúcias mas que nunca aparecem no palco. Também prejudica o interesse da Platéia aquelas cenas em que um personagem deixa o palco e volta trazendo algum recado ou conta uma novidade.

Fonte Modificada do site: http://www.cobra.pages.nom.br/ecp-teatroscript.html



4 comentários:

  1. Olá amiga! Desculpa minha ausência mas com o aproximar do 2º período é cada vez mais trabalho, não é?
    Venho oferecer o meu selinho do dia da mulher. Um pouco tarde é certo, mas com muito carinho! bjinhos, Joana Neves.
    http://joananeves.splinder.com

    ResponderExcluir
  2. adorei
    esse blog mim ajudou bastante!
    beijosss

    ResponderExcluir
  3. Erica ,obridada pela riquesa do seu blog ,precisei elaborar uma mine apresentação para agalerinha do meu curso e aqui aprendi ,e fizemos direitinho foi lindo , valeu mesmo ....

    ResponderExcluir
  4. Preciso de uma ideia para escrever uma peça teatral que vai ter uns 14 atores estou desesperada....e aciosa também...

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar! O Blog Ensinar Exige Alegria, agradece e fica feliz com o seu comentário. Volte outras vezes!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...